Lipoenxertia

Lipoenxertia

 

A lipoenxertia (enxerto de gordura) é um procedimento indicado para aumentar o volume de certas partes do corpo. O local mais solicitado para enxertia são os glúteos, mas outros locais também podem receber o enxerto. A gordura utilizada é a que foi retirada através da lipoaspiração.

Pré operatório:

– São solicitados exames de laboratório de rotina. Dependendo da sua idade e condições de saúde, podem ser solicitados também exames cardiológicos e outros específicos.

– Devem ser comunicados ao cirurgião todos medicamentos em uso, inclusive fitoterápicos. Alguns medicamentos, principalmente anticoagulantes e AAS devem ser suspensos no mínimo 7 dias antes do procedimento.

– Deve ser obedecido o Jejum absoluto (sólidos e líquidos) de 8 horas antes da cirurgia.

 

Procedimento Cirúrgico:

– Você discutirá com o cirurgião e o anestesista o tipo de anestesia mais indicado para o seu caso. As técnicas possíveis são a anestesia geral, peridural, ou ainda local com sedação, dependendo da área a ser tratada.

-A lipoenxertia é um procedimento cirúrgico realizado para melhor o contorno corporal de pacientes que tem deficiência de volume em algum local do corpo. Através de mínimas incisões na pele é enxertada a própria gordura do paciente no local desejado. O lipoenxerto funciona como uma “prótese”, sendo que apresenta a vantagem de ser um tecido do próprio paciente. Apesar de a região glútea ser a mais comumente enxertada, pode-se lipoenxertar também a face, lábios, mamas ou ainda algum local com falta de tecido por algum trauma ou ressecção de tumores.

 

Pós operatório:

– Você provavelmente receberá alta no mesmo dia da cirurgia, em alguns casos pode ser necessário o pernoite no hospital.

– A dor no pós operatório é resolvida com analgésicos comuns, um dolorimento é esperado nas primeiras semanas.

– É necessário o uso da cinta modeladora abdominal por pelo menos 30 dias, além de curativos com micropore sobre as incisões.

– No pós operatório são esperados edema (inchaço) e equimoses (roxos). Não é possível observar o resultado cirúrgico até que haja uma significativa melhora do edema, o que leva algumas semanas para ocorrer. O resultado final, entretanto, é observado após alguns meses.

– A realização de drenagem linfática pós operatória não é obrigatória, mas acelera a redução do edema e diminui o dolorimento pós operatório. Somente profissionais treinados em fisioterapia pós operatória estética estão habilitados para realizar este tipo de tratamento. Solicite mais informações ao seu cirurgião.

– O retorno ao trabalho é feito em aproximadamente 5 a 7 dias, dependendo da sua atividade.

– A atividade física é retomada gradualmente após a cirurgia, mas durante o primeiros 15 dias exercícios vigorosos estão contra indicados.

Date

16 Mai 2019

Tags

Contorno Corporal